AIoT Brasil BRASIL INTELIGÊNCIA ARTIFICIALE INTERNET DAS COISAS BRASIL

Fechar
A A

Tamanho fonte

Por redação AIoT Brasil

A fornecedora de dispositivos médicos Olympus adotou a tecnologia AIRI (Arquitetura de Referência de Inteligência Artificial) da Pure Storage para apoiar o  desenvolvimento de sua plataforma de inteligência artificial. A infraestrutura incorpora o FlashBlade da Pure e o Nvidia DGX-1 Systems e, segundo a empresa, proporciona os recursos necessários para desenvolver aplicações de alto desempenho, com uso intensivo de dados.

A plataforma FlashBlade Unified Fast File and Object (UFFO) hospeda centenas de terabytes de informações, alimentando imagens e outros dados em IA e machine learning. Com 70% de participação no mercado mundial de endoscópios gastrointestinais, a Olympus quer acelerar o tempo de lançamento de produtos inovadores e explorar as possibilidades  da IA na solução dos desafios globais de saúde. Como utiliza uma grande quantidade de dados em seus processos, a empresa prevê também a expansão de sua capacidade de armazenamento.

Shuta Yanagita, gerente de estratégia de software da Olympus, disse que essa infraestrutura de armazenamento de dados se tornou prioridade: “Além disso, com o aumento de temas de desenvolvimento de IA, agora é essencial um ambiente que utilize os recursos de GPU de forma eficiente. Por isso o nosso maior desafio era preparar um ambiente flexível capaz de resolver essas questões”, explicou.

Ao adotar a AIRI, a Olympus obteve o provisionamento de armazenamento sob demanda para ambientes de contêineres, por meio do suporte da Pure, o que ajudou a impulsionar o uso mais eficiente dos recursos em geral. Isto aumentou a velocidade de entrega do ambiente de desenvolvimento de IA e capacitou os desenvolvedores com recursos de autosserviço.

De acordo com a Pure Storage, com a integração da AIRI e do Red Hat OpenShift, os desenvolvedores da Olympus podem girar rapidamente os ambientes de desenvolvimento e simplificar a entrega de armazenamento para aplicações nativas de contêineres. “Há um enorme potencial para a inovação na área da saúde com base na inteligência artificial. É uma honra para a Pure que a Olympus esteja usando o AIRI para avançar no campo da medicina e ajudar médicos no mundo inteiro”, disse Yoshiyuki Tanaka, presidente da Pure no Japão.

AIRI foi arquitetada com o FlashBlade da Pure e o NVIDIA DGX-1/Divulgação Pure Storage

Mais populares

02/06/2022

Inteligência artificial detecta fake news na internet

Leia mais
13/01/2021

Testamos os recursos tecnológicos do VW Nivus

Leia mais
20/01/2022

Os principais ataques cibernéticos no Brasil em 2021

Leia mais
23/06/2022

FEA/USP promove conferência de ciência e negócios

Leia mais
27/08/2021

Automação doméstica deve crescer 30% no Brasil

Leia mais
break

Notícias Relacionadas