AIoT Brasil BRASIL INTELIGÊNCIA ARTIFICIALE INTERNET DAS COISAS BRASIL

Fechar
A A

Tamanho fonte

Por redação AIoT Brasil

A Nvidia Enterprise e o Google Cloud anunciaram um acordo de colaboração para criar o primeiro laboratório de inovação de inteligência artificial (IA) no 5G, a fim de acelerar o desenvolvimento da tecnologia no mundo. A ideia é oferecer apoio a fornecedores em projetos de concepção, teste, otimização e validação de aplicações de 5G e IA, executados localmente e na plataforma de nuvem do Google, incluindo cidades e fábricas inteligentes e outros programas avançados.

A previsão é de que o laboratório seja inaugurado ainda no segundo semestre deste ano, também com o objetivo de promover o desenvolvimento da internet das coisas. Para isso, o centro de tecnologia permitirá o acesso das empresas aos serviços do Google Anthos e às plataformas de hardware e software de computação aceleradas da Nvidia, que usam dados e IA para impulsionar o desempenho dos negócios e aumentar a eficiência operacional, além de otimizar a segurança e a confiabilidade.

Ronnie Vasishta, vice-presidente sênior de telecomunicações da Nvidia, destaca que o setor está passando por uma grande transformação em todo o mundo, pois a velocidade e a baixa latência do 5G oferecem oportunidades inéditas de disponibilizar IA para a digitalização na borda. “Essa colaboração com o Google Cloud para criar o primeiro laboratório de inovação aberta de IA no 5G nas telecomunicações ajudará as operadoras de rede e as empresas de infraestrutura a gerar mais lucro com base em IA e aprendizado de máquina”, disse Vasishta.

O Brasil também deverá se beneficiar, de acordo com Marcio Aguiar, diretor da Nvidia Enterprise na América Latina: “Pesquisadores e desenvolvedores do país poderão aproveitar muito a criação do laboratório. Para trabalhar com inteligência artificial é necessário contar com uma série de requisitos tecnológicos que nem sempre têm custo baixo. Levar a IA do 5G para a nuvem é uma forma de democratizar o acesso e ajudar startups no processo de criação”, explicou.

Em abril, a Nvidia já havia anunciado uma colaboração com a Fujitsu, a Mavenir, a Radisys e a Wind River para desenvolver soluções para a sua plataforma de IA no 5G com o Google Cloud, que ampliou o Anthos para a borda da rede. Isso permitirá que empresas e fornecedores de serviços de telecomunicações ofereçam novos serviços e aplicações com 5G.

“O Google Cloud, com a plataforma Anthos, está permitindo que provedores de serviços e empresas em muitos mercados verticais se conectem perfeitamente por 5G na extremidade da rede”, disse Shailesh Shukla, vice-presidente de rede do Google Cloud.

Supercomputador da Nvidia no Reino Unido/Reprodução Nvidia

Mais populares

02/06/2022

Inteligência artificial detecta fake news na internet

Leia mais
13/01/2021

Testamos os recursos tecnológicos do VW Nivus

Leia mais
20/01/2022

Os principais ataques cibernéticos no Brasil em 2021

Leia mais
23/06/2022

FEA/USP promove conferência de ciência e negócios

Leia mais
27/08/2021

Automação doméstica deve crescer 30% no Brasil

Leia mais
break

Notícias Relacionadas