AIoT Brasil BRASIL INTELIGÊNCIA ARTIFICIALE INTERNET DAS COISAS BRASIL

Fechar
A A

Tamanho fonte

Por redação AIoT Brasil

O campeão brasileiro de futebol aderiu à inteligência artificial. Por meio de uma parceria com a startup gaúcha Ubots, o Clube de Regatas do Flamengo passou a utilizar dois chatbots para se relacionar com seus sócios-torcedores, com resultados surpreendentes. Em sete meses, de julho do ano passado até janeiro, foram registrados mais de 670 mil atendimentos pela nova ferramenta, com nota de satisfação dos usuários entre 3,4 e 3,9, numa avaliação de 0 a 5.

Os assistentes virtuais se relacionam com o público que participa de um dos vários planos do programa Sócio-Torcedor Nação, que dá direito a benefícios como desconto nos ingressos para os jogos e em produtos promocionais e participação em eventos exclusivos. O atendimento ocorre em canais como WhatsApp e Facebook e no webchat da área do site do Flamengo dedicada ao programa.

De acordo com Rafael Souza, CEO da Ubots, o número de atendimentos pelo chatbot registrou crescimento constante a cada mês: “Na visão somada de todos os canais ativos até setembro de 2020, a retenção do bot em sua totalidade era menor que a do atendimento humano. A partir de outubro, a divisão ficou meio a meio, e em novembro o bot cresceu. Desde então tem prevalecido uma média de 60% do bot e 40% do atendimento humano”, disse. Em números absolutos, os 901 atendimentos feitos pelo assistente virtual em julho de 2020 se elevaram para 140.879 em janeiro deste ano.

Segundo a Ubots, o objetivo principal do Flamengo com o uso do chatbot era diminuir a demanda de perguntas frequentes e realizar a adesão de mais associados. Além disso, outros resultados foram obtidos ao longo do tempo, como a melhoria da experiência, a diminuição do tempo de atendimento, a oferta de um canal prático de adesão e a redução de custos.

Tamara Vieira, responsável pela Central de Atendimento do programa sócio-torcedor do Flamengo, explicou: “Conseguimos criar fluxos dinâmicos de conteúdos, identificação de usuários e integração com outras ferramentas de atendimento e banco de dados, buscando a melhoria da experiência do torcedor nos canais de atendimento, além de termos insights diários para melhorias, por meio dos relatórios de curadoria e dos dashboards de atendimento”.

Webchat do site do Flamengo dedicado aos sócios-torcedores/Reprodução

Mais populares

02/06/2022

Inteligência artificial detecta fake news na internet

Leia mais
27/08/2021

Automação doméstica deve crescer 30% no Brasil

Leia mais
13/01/2021

Testamos os recursos tecnológicos do VW Nivus

Leia mais
28/06/2022

Que tal pagar o cafezinho com criptomoeda?

Leia mais
27/06/2022

Como os brasileiros veem as tecnologias wearable

Leia mais
break

Notícias Relacionadas