AIoT Brasil BRASIL INTELIGÊNCIA ARTIFICIALE INTERNET DAS COISAS BRASIL

Fechar
A A

Tamanho fonte

Por redação AIoT Brasil

Um novo sistema de frenagem pioneiro que combina um software baseado em inteligência artificial com o portfólio atual de calibradores, discos e materiais de fricção: assim a empresa italiana Brembo definiu o Sensify, apresentado ao mercado na última semana de outubro. Em um comunicado, a fabricante de componentes automotivos explicou que a plataforma possui um cérebro digital e sensores que controlam cada roda do veículo de forma independente e proporciona uma condução mais precisa e segura.

Os dados coletados pelos sensores na dianteira e na traseira do veículo monitoram parâmetros como o atrito do pneu no pavimento, o peso exercido, a velocidade e o ângulo de direção. Com essas informações, um algoritmo preditivo calcula exatamente o nível de frenagem ideal, para controlar a tração e evitar derrapagens.

A Brembo afirma que o Sensify será comercializado no início de 2024, ainda sem preço definido, e disse que se trata da maior revolução em sistemas de frenagem desde o lançamento do ABS, na década de 1970, podendo ser usado em todos os veículos, incluindo os elétricos, “dos superesportivos a carros urbanos e, potencialmente, os veículos comerciais mais recentes”. Além disso, por meio de um aplicativo, será possível adaptar o Sensify ao estilo de direção do motorista, com controle do pedal e da força aplicada.

“Ao apresentar o Sensify, expandimos os limites do que é possível fazer com um sistema de frenagem, abrindo oportunidades inteiramente novas para que os motoristas melhorem sua experiência na estrada e personalizem a resposta do freio à sua maneira de dirigir”, afurna Daniele Schillaci, CEO da Brembo.

Segundo a empresa, a solução também é mais sustentável, já que o controle eletrônico de cada roda, a frenagem otimizada e a ausência de arrasto entre as pastilhas e os discos reduzem o desgaste dos pneus e as emissões de carbono. “O meio ambiente se beneficiará igualmente com a diminuição do número de peças utilizadas”, afirmou a Brembo.

O sistema de frenagem não é mais simplesmente uma soma de suas partes, mas um ecossistema em que a inteligência artificial desempenha um papel ativo. A coleta de dados é aproveitada para melhorar a experiência do motorista e permitir que o sistema seja atualizado constantemente.

Teste com o Sensify, que incorpora inteligência artificial ao freio do carro/Reprodução Brembo

Mais populares

09/08/2022

Febraban Tech começa hoje em São Paulo

Leia mais
16/12/2021

Conheça o lado cinza dos marketplaces

Leia mais
08/08/2022

Ferramenta com IA mostra zonas de risco para mulheres

Leia mais
13/01/2021

Testamos os recursos tecnológicos do VW Nivus

Leia mais
08/08/2022

Saiba como lidar com bots com segurança

Leia mais
break

Notícias Relacionadas