AIoT Brasil BRASIL INTELIGÊNCIA ARTIFICIALE INTERNET DAS COISAS

Fechar
A A

Tamanho fonte

A Yalo,  plataforma de comércio conversacional, levantou US$ 50 milhões em investimentos para  expandir suas operações na América Latina e no Sudoeste Asiático e também financiar o desenvolvimento de novas ofertas e produtos, incluindo soluções de marketing conversacional e pagamentos. A Yalo, já possui operações nos EUA, México, Brasil e Índia.

Grandes empresas como Unilever, Nestlé, Coca-Cola Femsa e Walmart se comunicam diretamente com seus clientes por meio de aplicativos de mensagens, como o WhatsApp. O comércio conversacional permite que as empresas vendam produtos de forma personalizada por meio de aplicativos de mensagens, unindo a proximidade do mundo físico com a conveniência do comércio digital.

John Santa Maria, CEO da Coca-Cola Femsa afirma que “ Vimos um aumento significativo nas vendas desde o início de nossa parceria de comércio conversacional com a Yalo. Agora temos quase meio milhão de lojas fazendo seus pedidos conosco pelo WhatsApp. O comércio conversacional se tornou rapidamente um canal de comércio importante e de crescimento  acelerado para nós em vários países.”

A tecnologia da Yalo é compatível com qualquer plataforma e pode ser incorporada em qualquer aplicativo de mensagem. A plataforma de comércio conversacional da Yalo, inclui soluções de marketing, help desk e pagamentos.

“O comércio conversacional é uma solução tecnológica simples, que permite às grandes marcas encontrarem seus usuários finais em seus canais favoritos de comunicação móvel. Usaremos o investimento para desenvolver novos produtos de conversação e agregar mais valor para nossos clientes globais, permitindo que mantenham seus relacionamentos com os clientes e concorram com gigantes do e-commerce”, afirma Javier Mata, fundador e diretor executivo da Yalo.

Durante a pandemia, a Yalo permitiu que empresas como a Coca-Cola transferissem o comércio de lojas físicas para o comércio conversacional, gerando um aumento nas vendas superior a 20%. Da mesma forma ajudou a varejista Sears a aumentar sua taxa de conversão via e-commerce em 260%.

“ O comércio conversacional está se tornando rapidamente o e-commerce 2.0 ao permitir que as marcas conectem sistemas críticos de negócios com os consumidores em aplicativos de mensagens, onde eles já gastam 84% do tempo ao telefone, especialmente em nossos principais mercados da América Latina, Índia e Sudeste Asiático”, disse Mata.

Mais populares

08/06/2021

99 usa IA para dar mais segurança às passageiras

Leia mais
10/06/2021

Duran Duran lança clipe feito por inteligência artificial

Leia mais
09/06/2021

Coreia do Sul recorre à IA para monitorar pesca ilegal

Leia mais
04/06/2021

Conheça o algoritmo da desinformação

Leia mais
30/10/2020

Alexa, abra La Casa de Papel, na Netflix...

Leia mais
break

Notícias Relacionadas